25set

Compartilhar:

A importância do arquiteto na gestão de uma obra

A importância do arquiteto na gestão de uma obra

Quando pensamos em obras, o primeiro profissional que vem à nossa mente é o engenheiro. Afinal, parte dele a proposição básica sobre a criação e elevação de estruturas físicas, que farão a composição do ambiente. No entanto, um outro profissional tem influência mais importante para a criação de espaços: o arquiteto. O arquiteto é a mãe da criança, é ele que define os profissionais importantes para a implementação do projeto.”

Muita gente acredita que o arquiteto é um profissional caro e, por isso, abrem mão de sua consultoria técnica. Entretanto, o que mais define a atuação de um arquiteto, é a relação custo-benefício. É possível alcançar inúmeras vantagens, principalmente para tornar real o projeto sonhado.

Isso porque, em termos bastante simples, o arquiteto consegue visualizar uma obra de maneira geral, até os mínimos detalhes, ele tem a capacidade de traduzir uma planta arquitetônica e enxergar, nela, ambientes completos, que tenham conforto, sejam ergonômicos e funcionais. Sendo assim, o arquiteto é o profissional que transformará paredes, tijolos e cimento, em um espaço exclusivo para você, unindo o seu estilo, seus desejos e sua personalidade.

Indo além, o arquiteto também tem mais funções bastante importantes na gestão de uma obra. Vamos aprender sobre elas!

 

Otimização de espaços

Se você está construindo em um terreno com espaço reduzido e, ainda assim, deseja que, no final, os espaços sejam confortáveis, com plástica, então recomendamos que contrate um arquiteto. Afinal, ele é especialista em otimizar espaços, de modo a torna-los mais inteligentes e funcionais.

Entre suas aptidões, estão as técnicas de iluminação, conceitos envolvendo as construções e, até mesmo, as melhores escolhas sobre o design a ser inserido no espaço e introduzir as devidas cores. Com isso, o arquiteto consegue aprimorar os ambientes, sem elevar os custos sobre o projeto.

Diminuição de custos

Por vezes, um projeto pode parecer perfeito na teoria, no entanto, na prática, isto não é válido. Isso porque, nem sempre é considerado a união entre os espaços, de modo que, quando a obra termina, a finalização deixa a desejar. É aí que entra a expertise de um arquiteto.

Sua capacidade de visualização sobre o projeto como um todo, o permite verificar quando algo não se encaixa. E, algumas vezes, esses pequenos erros levam a novas reformas – e, consequentemente, mais gastos. A análise de um arquiteto ajuda na perfeita união entre as partes, de modo que o resultado final seja o ideal, sem que precisem ser feitos ajustes.

 

Gestão de recursos mais assertiva

A lista de materiais de construção não para de aumentar? Pois um arquiteto pode revisá-la para você. Esses profissionais possuem um amplo conhecimento sobre os materiais usados em construções e reformas, além de também conhecerem os profissionais certos para cada tipo de trabalho.

Essa é uma ideia equivocada que muitas pessoas têm: deixar tudo na mão de um único profissional, acreditando que o serviço sairá mais barato. Pode até acontecer, mas, dificilmente, uma única pessoa é especialista em todas as áreas de uma construção. O arquiteto é o profissional que o ajudará a gerir a obra, otimizando os recursos e garantindo a finalização perfeita.

Entre em contato conosco! Temos muitas opções para ajudá-lo a construir ou reformar!

SOBRE O AUTOR

admin

Deixe um comentário